LGPD: os desafios dos hospitais com a segurança de dados

LGPD: os desafios dos hospitais com a segurança de dados

Para Wagner Hiendlmayer, diretor do segmento de Saúde Infraestrutura da Digisystem, a interoperabilidade é um dos principais pontos de alerta. “Isso porque ela promove a troca de dados entre todas as instituições que atendem um determinado paciente. Se ele passa por três ou quatro unidades como parte da investigação de uma doença, proteger apenas o sistema do hospital não é suficiente. São centenas de processos de troca de dados sensíveis que, no caso de vazamentos, podem responsabilizar o hospital”, avaliou. Ou seja, a LGPD obriga a corresponsabilidade da segurança dos dados a todos os players da cadeia de Saúde.

Um aspecto importante destacado pelo especialista é a revisão e padronização de rotinas. “Além do desafio convencional que a LGPD trará a todas as instituições, que é o de seguir as melhores práticas e soluções tecnológicas de segurança de dados, na Saúde há um diferencial relacionado aos processos. Será preciso definir padrões e treinar os recursos humanos envolvidos em cada uma das etapas a respeito da importância de zelar de forma mais rigorosa pelos dados, que são considerados sensíveis no setor”, ressaltou Hiendlmayer. Leia mais aqui: https://www.gessaude.com.br/blog/lgpd-os-desafios-dos-hospitais-com-a-seguranca-de-dados/

Compartilhe esta publicação