fbpx

Qual a importância da tecnologia no suporte à decisão clínica nas instituições de saúde?

decisão clínica

Qual a importância da tecnologia no suporte à decisão clínica nas instituições de saúde?

Com a pandemia ocasionada pelo coronavírus, as instituições de saúde avançaram ainda mais seus investimentos em tecnologia. De acordo com uma pesquisa da International Data Corporation (IDC), o investimento em tecnologias no setor de saúde na América Latina deve atingir US$ 1.931 milhões até 2022, o que equivale a R$ 10 bilhões. Neste contexto, o suporte à decisão clínica tem sido um grande aliado no sucesso das operações de saúde, uma vez que é baseado em ferramentas que integram dados científicos atualizados e permite o exercício da medicina pautada em evidência, proporcionando agilidade no atendimento ao paciente, desde a definição do seu diagnóstico, terapia medicamentosa, até o gerenciamento de um grupo populacional. Mas, qual é a real importância da tecnologia no suporte à decisão clínica?

A pandemia gerou um intenso movimento da classe médica científica mundial, que seguiu em busca por tratamentos no combate à doença. Essa ocasião gerou milhares de publicações e atualizações, de acordo com as novas descobertas terapêuticas. Dada a complexidade da doença e seus sintomas, assim como o surgimento de novos protocolos para tratamento, a utilização do suporte à decisão clínica permite mais celeridade e redução na probabilidade de erros na escolha da proposta terapêutica. Nesse sentido, a utilização da Inteligência Artificial veio para agregar condutas médicas atualizadas e pautadas em evidência, uma vez que, as mesmas são incorporadas nas soluções de suporte à decisão clínica, sem retirar a autonomia médica e atuando como uma grande aliada na qualidade assistencial.

Ferramentas de suporte à decisão clínica

As principais ferramentas de suporte à decisão clínica podem estar disponíveis em sistemas de gestão e aplicativos médicos, podendo utilizar a Inteligência Artificial para dissolução de dados clínicos localizados em exames ou no prontuário eletrônico do paciente, até a predição diagnóstica e intervenções à um grupo populacional. Desta forma, as ferramentas de Clinical Decision Support (CDS) ampliam a segurança do paciente, por meio da sugestão de condutas assertivas ao seu quadro clínico, otimizando sua melhora e proporcionando maior qualidade de vida.

Hospitais que contam com sistemas de gestão, por exemplo, integram importantes dados utilizados ao suporte da decisão clínica, pautados e atualizados segundo as diretrizes e consensos de sociedades médicas, devidamente embasados na evidência científica. Este contempla, entre as soluções, as calculadoras clínicas e o mentor, que consiste no disparo de condutas clínicas (médica e multiprofissional) de acordo com dados inseridos no prontuário eletrônico do paciente (sinais vitais, sintomas clínicos, resultados laboratoriais, etc), desde que estes estejam com seus parâmetros alterados, sugerindo assim, intervenções, prescrição medicamentosa e coleta de exames, previamente aprovados pelo corpo clínico instrucional.

A Digisystem oferta em seu portfólio soluções dirigidas à tomada de decisões clínicas, assim como preditivos no controle da saúde de uma determinada população. Este tipo de tecnologia amplia a qualidade de vida dos pacientes, otimiza o tempo médico e a definição de condutas, além de garantir maior controle nos recursos gastos com pacientes, que passam a ser assistidos de forma ainda mais assertiva.

Parceria Digisystem e Elsevier: soluções de ponta aos hospitais

Recentemente, a Digisystem firmou uma parceria com a Elsevier para soluções de apoio à decisão clínica. A Elsevier, empresa global de informação analítica, está entre os seis maiores provedores mundiais de informação e análise para profissionais e instituições da área da saúde. Esta parceria entre as companhias permite oferecer protocolos clínicos dirigidos e atualizados em tempo real de acordo com as principais publicações e evidências médicas mundiais.

As soluções ofertadas nesta parceria consistem no Order Sets, que possibilita a rápida prescrição de medicamentos, baseada em protocolos clínicos atualizados, Care Planning, solução ganhadora do prêmio Best in Klas 2020, na categoria Apoio à decisão clínica – Planos de cuidados, que disponibiliza planos terapêuticos, trazendo soluções rápidas à equipe multidisciplinar (enfermagem, fisioterapia, farmácia, nutrição), e também, a ferramenta para apoio à decisão clínica, ClinicalKey.

Desafios relacionados às tecnologias de suporte à decisão clínica

Mesmo com os benefícios, as instituições de saúde do Brasil ainda encontram empecilhos para aderir tecnologias de suporte à decisão clínica. Dentre eles, o principal encontra-se na mudança da gestão operacional, que se faz necessária para a abertura e adesão das equipes médicas e multiprofissionais aos novos recursos tecnológicos. Alterando esse cenário, é possível manter a qualidade do atendimento ao paciente em escala, ofertar tratamentos mais efetivos, e ainda, otimizar custos das instituições de saúde.

Quer saber como a Digisystem pode ajudar o seu hospital a aderir a essas novas tecnologias? Entre em contato conosco aqui.

 

Share this post